As Nossas Raizes

sábado, 18 de setembro de 2010

Racionais Mc's - Negro Limitado

Racionais Mc's - Escolha O Seu Caminho Download Album (1992)

01 Voz Ativa (Versão Rádio)
02 Voz Ativa (Versão Baile)
03 Voz Ativa (Acapella)
04 Negro Limitado
 CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS RACIONAIS POSTADOS NO BLOG ★

Racionais Mc's - Voz Ativa (Versao Radio)

Racionais Mc's - Hey Boy

Racionais Mc's - Holocausto Urbano Download Album (1990)

01 Pânico na Zona Sul
02 Beco Sem Saída
03 Hey Boy
04 Mulheres Vulgares
05 Racistas Otários
06 Tempos Difíceis
 CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS RACIONAIS POSTADOS NO BLOG ★

Racionais Mc's - Beco Sem Saida

Racionais Mc's Panico Na Zona Sul

Da Weasel - Dialetos De Ternura (remix com Buraka Som Sistema)

Da Weasel - Amor, Escarnio e Maldizer Download Album (2007)


★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - Um Dia Destes

Da Weasel - A Morte Do Artista (em 3 Actos)

Da Weasel Re-Definições Download Album (2004)

01 - Pré-Definições
02 - Força (uma página de história)
03 - Re-Tratamento
04 - Bomboca (morde a bala) (interlúdio)
05 - Carrossel (Às vezes dá-me para isto)
06 - 1972 (interlúdio)
07 - Casa (vem fazer de conta)
08 - Gta
09 - Pica 1.0 (interlúdio)
10 - Despertar (o flow que sai)
11 - Pica 1.1 (interlúdio)
12 - Baile (aquele beat)
13 - Golpes 1.0
14 - Loja (canção do carocho)
15 - Golpes 1.1 (interlúdio)
16 - Bicho
17 - Joaninha (bem-vinda!)
18 - Re-Definições
19 - A Morte Do Artista (em 3 actos) (bonus track)

★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - Joaninha (Bem-Vinda)

Da Weasel - Bicho

NOVO SINGLE PARA DOWNLOAD / BREVEMENTE P.I.M.P. [RAIVA E REPTILE]



Começou a contagem decrescente para o lançamento do tão esperado álbum de Raiva e Reptile intitulado “PIMP”. Depois da saída dos sons promocionais e um vídeoclip, e também da divulgação da capa e contra-capa (tracklist) oficial do álbum, veio mais uma confirmação de que falta mesmo pouco tempo para que o álbum esteja nas nossas mãos. Dessa vez, Raiva postou no seu twitter “www.twitter.com/raivababy” as fotos dos CDs que foram mandados para a fábrica para a finalização dos mesmos. Com todos esses factos, é hora de se dizer com toda certeza que “PIMP está a caminho”…


Da Weasel - Mata-me De Novo

Da Weasel - Podes Fugir Mas Não Te Podes Esconder (2001)


★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - O Que Quiseres (Ta Tudo Bem)


★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Biografia : Da Weasel


"Lição número um do manual: procurar a virtude no simples e natural". É esta a máxima defendida por Pacman em "Outro Nível", e a mesma que tenta seguir como fio condutor da sua vida.
Uma das bandas mais criativas da música portuguesa, que escolheu o português como forma de expressão, os Da Weasel deram, no entanto, o pontapé de saída da sua carreira em inglês, e de uma forma muito experimentalista. A formação contava então com Pacman (Carlos Nobre), Armando Teixeira, Jay Jay Neige (João Nobre, irmão de Pacman) e Yen Sung, e o seu primeiro registo discográfico chegou ao mercado em 1994, em que se começou a ouvir na, entretanto extinta, XFM, uma maqueta com o tema "Da King (Monkey Version)", que beneficiou do estatuto de aposta ao longo de uma semana.
O EP intitulado "More Than 30 Motherf***s" produziu um dos grandes êxitos da banda, 'God Bless Johnny', e foi sucedido, no ano seguinte, pelo muito aguardado disco de estreia, "Dou-lhe Com a Alma", considerado o primeiro álbum hip hop da autoria de uma banda portuguesa, onde se iniciou a transição do inglês para o português como língua dominante


"3º Capítulo" foi a prova de fogo na carreira da "doninha". Neste primeiro registo editado pelo grupo para a EMI, Pacman revelou o seu grande potencial de letrista. Um álbum assumidamente rap e de grande pessimismo, que convenceu o público português com o tão bem sucedido 'Todagente', com o qual ainda hoje são associados. Houve entretanto alterações na formação inicial da banda, que passaram pela saída do único elemento femino da banda, Yen Sung, e pela entrada de Vírgul. A produção do disco ficou por conta da própria banda, mas contou também com a ajuda de Amândio Bastos e, no que toca a participações, o cardápio incluiu nomes como Sam, Sanrise, Fernanda Freitas, João Gomes, Laurent Filipe e Sinde Filipe.
No espaço comprendido entre o lançamento do "3º Capítulo" e a chegada d'"O Manual", dois anos depois, os Da Weasel colaboraram noutros projectos, tais como o disco de homenagem aos vinte anos de carreira dos Xutos & Pontapés, "XX Anos XX Bandas", e a colectânea de música portuguesa "Tejo Beat".
Em 1999, chegou então às lojas o terceiro álbum de originais do grupo, "Iniciação a Uma Vida Banal - O Manual". Aclamado pela crítica e adorado pelo público, o disco marcou o regresso em força da "doninha" no seu melhor à actividade discográfica e aos palcos portugueses.


Depois de constatar em "Outro Nível", o single de apresentação, que afinal de contas "não existem problemas, só existem soluções", Pacman deixou para trás o pessimismo predominante no trabalho anterior e escreveu um excelente conjunto de canções que têm por pano de fundo aspectos reais da vida quotidiana, e não necessariamente o seu lado negativo, com o qual o hip hop é habitualmente conotado. A produção do disco contou desta vez com a colaboração do produtor brasileiro Bid, também responsável pelo último trabalho de Chico Science.
O ano de 2001 foi marcado pela edição do novo álbum de originais no mês de Dezembro, intitulado "Podes Fugir Mas Não Te Podes Esconder", tendo o primeiro avanço foi sido mostrado pelo single 'Tás na Boa', que constituiu uma excelente amostra do lado mais "a abrir" da música dos Da Weasel. A anteceder a chegada do álbum aos escaparates, a banda revelou algum do novo material num concerto realizado no dia 5 de Novembro no terraço da RDP, a assinalar o arranque de actividades da Nova Antena 3.
Em Maio de 2004, foi lançado o sexto trabalho de originais da banda, "Re-Definições", que contou com as participações de Manuel Cruz, ex-Ornatos Violeta, João Gomes, dos Cool Hipnoise e SpaceBoys, e da jornalista Anabela Mota Ribeiro, na leitura do tema que dá título ao álbum. Ao primeiro single, de título 'Re-Tratamento', seguiram-se 'Força (Uma Página de História)' e 'Casa (Vem Fazer de Conta)'. O álbum tornou-se o disco mais bem sucedido da carreira dos Da Weasel, atingindo o estatuto de quádrupla platina, por mais de 60 mil cópias vendidas. Antes, em Dezembro de 2004, os Da Weasel celebraram o sucesso do álbum e da digressão com concertos especiais em Lisboa e no Porto. No Coliseu dos Recreios e no da Invicta, a Doninha recebeu a visita dos colaboradores Manuel Cruz, Sam e João Gomes.

Em Agosto de 2005, os Da Weasel actuaram no Festival Sudoeste e lançaram uma edição especial de "Re-Definições", com capa nova, uma remix para 'Re-Tratamento', a cargo da Cooltrain Crew, e um DVD com os telediscos dos três singles. No final desse ano, a banda actuou no Olympia de Paris e em Macau, assim como na Madeira, secundada por músicos de orquestra. No arranque de 2006, Pacman envolveu-se na campanha às presidenciais do candidato Manuel Alegre, de quem foi Mandatário da Juventude. Na mesma altura, os Da Weasel foram dados como um dos nomes confirmados para o Rock In Rio Lisboa - 2006, notícia que espelha o seu estatuto de banda de primeira divisão em Portugal. Um ano depois chegou ao mercado o álbum "Amor, Escárnio e Maldizer". O disco conta com muitas participações, tais como Gato Fedorento, Bernardo Sassetti, Rapper e o produtor americano Atiba the Dappa e a participação especial da orquestra de Praga dirigida pelo Maestro Rui Massena. Nesse álbum destacam-se os temas 'Dialectos da Ternura' e 'Mundos Mudos'.

Dia 10 de Novembro de 2007 dão um concerto no Pavilhão Atlântico, tendo como convidados nomes como o maestro Rui Massena, com a orquestra sinfónica de Praga, Bernardo Sassetti, Manuel Cruz, Gato Fedorento e Atiba The Dappa.
A 29 de Novembro de 2008 é lançado o DVD com o concerto realizado no Pavilhão Atlântico. Em Outubro de 2008 o vocalista da Banda Carlos 'Pac' Nobre edita o livro: "Um Outro Amor, Diário de uma Vida Singular" com as crónicas que foi escrevendo ao longo do tempo, para a revista Domingo, do jornal Correio da Manhã com tiragem em Portugal.
Em Setembro de 2009, os Da Weasel anunciam uma pausa de um ano, prometendo voltar em Setembro de 2010 para a produção do oitavo disco de originais e para mais actuações ao vivo.
★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - A Adicçao (Ilusao-Desilusao)

Da Weasel Iniciação a Uma Vida Banal "O Manual" Download Album (1999)

01 - (No Principio era) o verbo
02 - Outro nível
03 - Agora e para sempre (A paixao)
04 - A Harmonia   (sentimento, Talento e Fundamento)
05 - O Remorso (O que e que se ha-de fazer)
06 - Venha la o (Money)
07 - O Puro
08 - A Adiccao (Ilusao-Desilusao)
09 - O Real
10 - E Mesmo Assim (Respeito)
11 - Força Negra
★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - Outro Nível (videoclip)

Da Weasel - Agora e Para Sempre (A Paixao)

Graffity


Bobigny (93)

Graffiti México Tour 2008 "Meeting of Styles" HD Quality

Da Weasel 3° Capítulo Download Album (1997)

01-Pedaço De Arte
02-Tudo Na Mesma
03-Microcosmica
04-Pregos
05-Ragga Airlines
06-Todagente
07-Dúia
08-Flankout
09-Casos De Policia
10-O Serviço
11-Para A Nóia
12-Dentro Dela
13-Encostei-me Para Trás Na Cadeira Do Convés
14-Contador De Estórias
15-Cachimbo Da Paz
★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - Casos de polícia

Da Weasel - Dúia (Videoclip)

Da Weasel - tudo na mesma (1997)

Graffity


Bobigny (93)


Painterz 2° Pression - Deux & Helek

Da Weasel - O Meu Deus

Da Weasel - Dou-lhe Com A Alma Download Album (1995)

01 - Adivinha quem voltou
02 - Confirmar
03 - Educação (é liberdade)
04 - Essa Vida
05 - Dou-lhe Com a Alma
06 - Right on
07 - Ressaca
08 - O Meu Deus
09 - Só A Ti
10 - God bless Johnny

★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - Ressaca

Da Weasel - Essa Vida

GDB- Festa do Lançamento do CD

Da Weasel - Mi Ma Moo

Da Weasel - More Than 30 Motherf...s Download Album (1993)

1.Da weasel
2.Monkey king
3.One more (until the next time)
4.(God Bless) Johnny
5.And life goes on
6.Mi Ma Moo
CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DOS DA WEASEL 

Da Weasel - (God Bless) Johnny

SEIXAL GRAFFITI 2010


Aproxima-se a 7ª edição do Seixal Graffiti, o encontro anual de arte urbana que mais uma vez irá renovar a extensa parede da antiga Fábrica Mundet. O evento decorre no fim-de-semana de 9 e 10 de Outubro, promete reunir cerca de 40 artistas nacionais e confirma já a presença do casal italiano Caktus e Maria .

Segundo o organizador do evento, Vasco Teixeira Rodrigues, «teremos a maior porção da parede afecta ao Encontro de Estilos, à semelhança do que tem acontecido nas edições anteriores. Contudo, este ano teremos parte do muro destinado exclusivamente a artistas do sexo feminino, e um tributo ao artista suíço DARE, entretanto falecido».
Simultaneamente, haverá battle de B-boying, exibição de Skate, BMX, DJing, MCing e Beatbox.

General D e os Karapinhas - Pé Na Tchôn Karapinha Na Céu Download Album (1995)

General D e os Karapinhas
Pé Na Tchôn Karapinha Na Céu
1.Introducao
2.Atake Dos Karapinhas (com Boss Ac)
3.Pedro Pedreiro
4.Black Magik Woman (com Sam)
5.Ritual Karapinha (com Maimuna Jalles & Johnny Def)
6.Dinheirinho (com Johnny Def)
7.Amigo Prekavido (com Marta)
8.Filha Da Mae De Jam Session (com Boss Ac & Bad Spirit)
9.Ximba Ximba (com Sam & Sister DC)
10.Susuka Prostituta (com Maimuna Jalles)
11.Karapinha (com Maimuna Jalles & Lince)
12.Raiz Desenraizada (com Marta)



★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DO GENERAL D 

General D e os Karapinhas - Black Magik Woman


★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DO GENERAL D 

Graffity


PARIS (2007)


Revista Freestyle com 8ª edição


Chega às bancas no final desta semana o 8º número da revista Freestyle, correspondente ao bimestre Setembro/Outubro. Inclui entrevistas a Orelha Negra, Kilu, Tribruto, Birro, Dj Link, Kacetado, Suker e a crew de bboying In Motion. Destaque também para a reportagem "Hip Hop nas Escolas"

A revista assume agora o preço de 4€ e pode ser encontrada em todo o país, nas melhores papelarias.
(Em Portugal)

Biografia : General D

Sérgio Matsinhe, ou General D, nasce em Lourenço Marques hoje Maputo), em Moçambique, a 28 de Outubro de 1971.
Vive apenas dois anos em Moçambique e vem com a sua família para Portugal, habitando nos subúrbios da Margem Sul de Lisboa. Na escola, revela-se um excelente aluno e desportista (sendo mesmo recordista regional dos cem metros de atletismo e campeão regional de velocidade na modalidade de 4x100).
Mostrando-se interessado pelas suas raízes culturais, descobre o rap como uma forma privilegiada de expressão e adopta o nome de General. Ao mesmo tempo, torna-se activista dos direitos das minorias, chegando mesmo a ser candidato a deputado ao Parlamento Europeu pelo Movimento Política XXI e Porta-Voz da Associação SOS Racismo.
 Em 1990, organiza o primeiro festival rap em Portugal, em Almada (na Incrível Almadense), que conta com sua a participação, bem como de vários outros grupos, como os Black Company, ou os African Power.
Três anos depois, torna-se o primeiro rapper nacional a assinar um contrato discográfico, no caso, com a EMI-Valentim de Carvalho.
Em 1994, é editado o EP "PortuKKKal É Um Erro", que incluí três temas e que contou com a participação do grupo coral cabo-verdiano Finka Pé. O disco levanta alguma polémica, nomeadamente pelas suas letras corrosivas, e é mal recebido pela crítica. No entanto, as suas músicas e actuações parecem causar algum impacto em Inglaterra, onde General D dá alguns concertos e passa com regularidade nas rádios especializadas locais.
No ano seguinte, regista alguns espectáculos de relevo no nosso país, nomeadamente no Festival Imperial, na cerimónia de entrega dos Prémios do jornal Blitz e na Festa do Avante.
Ainda em 1995, é editado o seu álbum de estreia intitulado "Pé Na Tchôn, Karapinha Na Céu", gravado por General D & Os Karapinhas e produzido por Jonathan Miller, e onde participaram vários músicos convidados, como Marta Dias, Sam ou Boss AC, entre outros. O disco é bem recebido pela crítica, registando um enorme sucesso com o tema "Black Magic Woman", que conta com a participação vocal de Sam.
Nesse mesmo ano, é editado o álbum "Timor Livre", resultado da gravação de um espectáculo no Centro Cultural de Belém de solidariedade para como o povo de Timor, onde participaram vários artistas, como Delfins, Rui Veloso ou Luís Represas, e em que General D interpreta dois temas.
Após dois anos de concertos dentro e fora de Portugal, General D regressa aos discos em 1997, com "Kanimambo", que teve produção de Joe Fossard (que já trabalhou com outras bandas nacionais como Ithaka ou Mind Da Gap).
★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DO GENERAL D 

General D - Kanimambo Download Album (1997)

1.Introducao
2.Afrika Nossa
3.Batuke (com Bad Spirit)
4.Ekos Do Passado (com Darin Pappas)
5.Rappi Ta Doddo (com Family)
6.Vida
7.Estado De Sitio
8.Improviso
9.Reghetizacao
10.Hora Di Bai
11.Memorias De Uma Arvore Morta
12.Respeito
13.Xanana Gusmao
14.Conclusao



VideoClip
★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DO GENERAL D 

General D "Ekos Do Passado" (featuring. Marta Dias, Ithaka, Djoek)


★ CARREGA >>> AQUI <<< PARA VER TODOS OS POSTS DO GENERAL D 

"Mind da Gap em Concreto- Mtv Music Awards- Estação das Artes"


Os Mind da Gap, continuam na estrada para promover “ A Essência ”. O seu próximo concerto vai ser na cidade do Porto, no dia 18 de Setembro
A banda, depois de em 2006 ter sido uma das cinco finalistas nomeadas para os MTV European Music Awards – Best Portuguese Act, estão novamente pré nomeados este ano.

Tardes De Hip Hop